A POBREZA É A PRINCIPAL CAUSA DA DEGRADAÇÃO AMBIENTAL?

Eucilene Alves S. Porto

Resumo


No final da década de 80, foi proposta a teoria de que a pobreza seria a causa principal da degradação ambiental nos países em desenvolvimento. Vários foram os argumentos. No entanto, ao analisarmos o contexto histórico, social e ecológico, notamos que, assim como a pobreza, a riqueza atua para a degradação do meio ambiente, sendo a última em grande escala, podendo ser muito mais agravante. O presente trabalho teve como objetivo não só mostrar pontos críticos, que não favorecem o sustento dessa teoria, como base para a elaboração de ajustes ecológicos em nosso País. Mais que isso.  Repensarmos como minimizar a degradação do meio ambiente centrados em uma política de ajustes que evidencia, de forma real, a necessidade de cada região e localidade, e não da forma como está sendo proposto, globalmente.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 License.