Avaliação do estado nutricional e risco de sarcopenia em idosos de uma unidade institucional do município de Cuiabá-MT

Aline Aparecida Bueno MAIOLINO, Cintia de SOUZA, Elidiane Nascimento COSTA, Elizete Maria DAVIES, Fátima Jacobina da CRUZ, Paula Pexe Alves MACHADO

Resumo


Introdução: O idoso nos últimos anos de vida sofre várias alterações na composição corporal, com isso há um aumento na massa de gordura corporal e diminuição da massa corporal magra, sendo essa perda de massa muscular, força e desempenho denominados sarcopenia. O estado nutricional dos idosos sofre grandes alterações fisiológicas, como redução no metabolismo basal, mudanças no desempenho digestivo, diminuição no aspecto sensorial e sensibilidade a sede, com isso ocorrem às carências nutricionais aumentando a predisposição ao desenvolvimento da desnutrição. Objetivo geral: Correlacionar o risco nutricional com o risco de sarcopenia em idosos institucionalizados no munícipio de Cuiabá. Metodologia: Essa pesquisa trata-se de um estudo transversal, com abordagem nos idosos institucionalizados de ambos os sexos na unidade institucional. Para a coleta de dados, foi realizada antropometria por aferição peso, altura e circunferência da panturrilha, e avaliado risco nutricional e de presença de sarcopenia pelos questionários Sarc-F e MAN reduzida. Resultados: A amostra contou com 43 idosos institucionalizados, sendo 23 (53,5%) do sexo masculino e 20 (46,5%) do sexo feminino, com média de idade de 78,11 anos. Em relação à avaliação do estado nutricional dos idosos institucionalizados, conforme a MAN foram observados os seguintes resultados: apresentaram desnutrição 2,3%, sob risco de desnutrição 62,8% e com estado nutricional normal 34,9%. Com o formulário SARC-F conseguimos identificar o risco de sarcopenia e foram observados os seguintes resultados: sem sinais sugestivos de sarcopenia apresentaram (37,2%) e sugestivo de sarcopenia (62,8%). Conclusão: Foi perceptível que o estado nutricional dos idosos institucionalizados influenciou para o desenvolvimento do risco de sarcopenia. Observou-se também que a idade e a ausência de atividade física pode ter favorecido na perda de massa muscular

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 License.

ISSN: 2594-6757